28 de novembro de 2012

Des-Amorosa !


Internet é uma coisa mesmo, tanta coisa esquisita que rola, você tem que estar sempre de olho, porque a qualquer momento pode estar sendo ludibriado.  Mas por outro lado, quantas pessoas fantásticas conhecemos.  Tantas histórias que jamais saberíamos, tantas imagens, quantos encontros....
E nessas andanças minha acabei esbarrando com Rosaura, e me apaixonando pelo jeito dela escrever.
Uma poeta, sempre postando textos bonitos, intuitivos e fortes.
Ela criou um projeto, onde faz uma coleção de textos, onde todos que quiserem podem participar.
E tenho lido cada coisa tão linda....
Outro dia ela postou uma, e dedicou a mim.  Sei lá o porque, só sei que quando li, automaticamente as lágrimas brotaram, porque parece que foi escrito por mim ou por Binho, ou ainda para nós.
Vou compartilhar ele aqui e aproveitar para convidar a todos que gostam de escrever, que entrem no facebook na página Des-Amorosas, garanto que quem gosta de ler, vai curtir muito !

bjs

"(des)-Amorosa 283
Ele, que certa vez havia dito que só a experiência de encontrá-la nesta vida teria valido viver, algum tempo depois disse mais...Sussurrou em voz muito baixa que com ela aprendeu a amar, lição preciosa, sem preço. Disse que com ela viveu o despertar intenso de uma paixão acalentada nos sonhos desde sempre, tal qual um conto de fadas, com tempo certo e indefinido, princesa, dragão, caminhos cruzados, tudo isso e tudo o mais. Uma gota de orvalho brotou na parte de baixo do canto esquerdo do olho dela, mas não disse nada. Apenas suspirou em silêncio."
por Rosaura Soligo (chiaroscuro)

Um comentário:

Rosaura Soligo disse...

que bacana!
amei.
beijos